Olá leitores, hoje vamos entrevistar as amigas Raquel Brum e Renata Pinto e descobrir como é passar as férias na cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul! Elas dão dicas valiosas sobre o turismo no local e ainda nos enviaram fotos incríveis dos passeios que fizeram!

Vamos conferir tudo que as Bonitas fizeram em Bonito? Agora é com elas!

1- QUANTOS DIAS VOCÊS FICARAM EM BONITO? FORAM SUFICIENTES PARA APROVEITAR ESTE LUGAR REPLETO DE ATRATIVOS?

Em bonito ficamos 5 dias. Não foram suficientes, faltou tempo para fazermos todos os passeios que gostaríamos. O  ideal seria ter ficado 2 dias a mais, 7 no total.

Renata e Raquel fazendo a flutuação no Rio da Prata
Renata e Raquel fazendo a flutuação no Rio da Prata

2- QUAL FOI O MÊS DA VIAGEM? COMO ESTAVA O CLIMA LÁ? É UM BOM PERÍODO PARA IR A BONITO?

Fomos no início do mês novembro. O período teoricamente é bom, já está quente. Porém num dos dias choveu e foi uma pancada muito forte! Nós fizemos o primeiro passeio da manhã bem cedinho, depois desabou o temporal e tivemos que voltar para o hostel, não conseguindo fazer mais nada naquele dia. E essa mesma chuva ainda estragou o passeio do dia seguinte para o Balneário Municipal, pois ele ficou interditado.

Além disso, novembro ainda não é alta temporada, logo há menos gente, portanto uma época boa para ir.

Boca da onça
Boca da onça

3- GIRLS, NOS CONTEM COMO VOCÊS FORAM DE CAMPO GRANDE ATÉ BONITO, QUANTO PAGARAM POR ISSO, E QUANTO TEMPO DUROU O TRAJETO?

Alugamos um carro no aeroporto de Campo Grande com a empresa Unidas. Levamos cerca de 4 horas para chegar em Bonito, pois tivemos um pequeno problema no caminho – tipo um atolamento, rsrsrs! Pagamos em torno de R$600 o aluguel do carro para todo o período da viagem. E essa era uma modalidade de aluguel mais cara, pois cobria além do básico. Optamos por ela em razão de as estradas serem de chão e da possibilidade de chuvas, que aumentavam o risco de ocorrência de sinistro de maior gravidade.

Sobre a empresa tivemos um problema com a confirmação da reserva, ou melhor, a falta dela, mas a empresa resolveu tudo com rapidez e acabou dando tudo certo.

4- O ALUGUEL DE CARRO SE FAZ NECESSÁRIO EM BONITO, QUAIS AS OPÇÕES DE TRANSPORTE QUE PODERIAM SER UTILIZADAS NO LUGAR DELE?

Quando se está em um número maior de pessoas para dividir os custos do veículo, pensamos que compensa. Para quem viaja sozinho, não. Isso porque para fazer os passeios em Bonito paga-se um valor de entrada nos locais e mais o transfer ida e volta para esses locais. Assim, dividindo os custos do aluguel de carro, sai muito mais em conta. Além disso, os locais turísticos são muito afastados, não tem como ir sem carro e não há transporte público. Para as atrações da cidade, é possível usar a Uber.

5 – ENTÃO NOS CONTEM QUAIS PASSEIOS ELEGERAM? CASO LEMBREM DOS VALORES E O NOME DA EMPRESA, PODERIAM NOS PASSAR?

Os passeios foram comprados diretamente no hostel. Fizemos os seguintes passeios (valores somente de entrada, sem deslocamento, novembro/2017):

  • Gruta do Lago Azul (R$50,00).
  • Gruta São Miguel (R$50,00).
  • Flutuação no Aquário Natural (R$120,00)
  • Rio da Prata (R$ 224,00 – inclusos guia para a trilha, flutuação e almoço).
  • Buracos das Araras (R$68,00).
  • Cachoeiras do Rio do Peixe (R$232,00 – inclusos guia para as trilhas e almoço)
  • Boca da Onça (R$218,00 – inclusos trilha, cachoeiras e almoço).
Renata Pinto curtindo as férias no passeio ao Rio do Peixe
Renata Pinto curtindo as férias no passeio ao Rio do Peixe

6- ALGUMA RECOMENDAÇÃO SOBRE OS PASSEIOS?

É importante salientar que é necessário comprar as entradas dos passeios com uma agência. Não adianta ir direto nos pontos turísticos, pois não se consegue entrar. No nosso caso, havia uma agência dentro do Hostel. Ela nos fornecia um voucher contendo todas as informações do passeio.

Raquel Brum com a bela vista do Buraco das Araras
Raquel Brum com a bela vista do Buraco das Araras

Sobre as grutas, sempre há um guia para falar do local (origem, idade, formação…) e de questões de segurança. Nelas, é obrigatório o uso de capacetes. Além disso, na Gruta São Miguel é proibido tocar nas paredes. O caminho até essa gruta é bem interessante porque o fazemos em cima de pontes e árvores.

Trilha para a Gruta são Miguel
Trilha para a Gruta são Miguel
Gruta São Miguel
Gruta São Miguel

Na Gruta da lagoa azul é necessário descer um monte de degraus até chegar na lagoa. Então, o retorno é bem cansativo! Para pessoas com mais idade ou dificuldade de locomoção pensamos que é um tanto complicado de ser feito.

Mas todo esforço compensa, pois o que se vê nesta gruta é incrível: muitas estalactites uma lagoa com tons de azul inacreditáveis! Não pode tocar na água porque nela vivem seres muito delicados e qualquer agressão à água pode extingui-los.

É um passeio imperdível!

Gruta da Lagoa Azul
Gruta da Lagoa Azul
Gruta da Lagoa Azul
Gruta da Lagoa Azul

Outra informação relevante é que não se pode passar produto químico no corpo antes de entrar nos rios, como protetores solar e repelentes.

Cachoeira do Rio do Peixe
Cachoeira do Rio do Peixe

7- DEPOIS DE TANTOS PASSEIOS, O QUE É O MAIS BONITO DE BONITO?

Raquel Brum: Eu fico entre a Gruta da lagoa azul e o Aquário natural.

Renata Pinto: Gostei muito da Boca da onça, foi um passeio de um dia inteiro com trilhas e cachoeiras lindas. E o Rio da Prata, onde fizemos flutuação e vimos o rio mais limpo e claro.

8- AGORA ESCOLHAM UMA OPÇÃO!!!

Raquel Brum: Aquário Natural.

Flutuação no Aquário Natural
Flutuação no Aquário Natural

Renata Pinto: Boca da onça.

Cachoeira Boca da Onça
Cachoeira Boca da Onça

9- VOCÊS JÁ CITARAM QUE A HOSPEDAGEM SE DEU EM HOSTEL, GOSTARIAM DE INDICAR O LOCAL AOS LEITORES DO VAI QUE VIAJO? HÁ UM PERFIL DE TURISTAS QUE SE HOSPEDA LÁ?

Ficamos no Bonito HI Hostel*. O local é bacana, a piscina é limpa, tem estacionamento, salão de jogos, área de convivência, café da manhã incluso e um restaurante cujos pratos são bem servidos.

Nossa hospedagem foi num quarto para 5 pessoas, com banheiro privativo, armários grandes e ar-condicionado.

Não podemos definir um perfil de turistas. Havia estrangeiros, casais, famílias com crianças e grupos de amigos.

* Reserve sua hospedagem no Bonito HI Hostel via Booking.com clicando aqui. Você não pagará nada a mais por isso, mas estará ajudando este Blog a se manter, pois receberemos um pequeno percentual do valor da sua reserva.

10- POSSUIR AR-CONDICIONADO É UM PRÉ-REQUISITO PARA A ESCOLHA DA HOSPEDAGEM EM BONITO?

Sim, pois lá é bem quente e úmido.

Boca da onça
Boca da onça

11- VOCÊS CONSIDERAM BONITO UM DESTINO CARO?

Sim, principalmente em razão de não se poder fazer nenhum passeio de graça, todos há que pagar! Nem mesmo o Balneário Municipal é gratuito. Além disso, eles ficam em locais afastados da cidade. Daí tem mais o custo do deslocamento – que pode ser com combustível ou com um serviço de transfer ida e volta.

Vista ao final da trilha da Boca da onça
Vista ao final da trilha da Boca da onça

12- COMO É A VIDA NOTURNA DE BONITO?

Há uma avenida principal na cidade onde estão localizados a maioria dos bares. Num dos dias fomos em Pub bem legal chamado São Jorge Hostel e Pub. Nos demais, optamos por curtir os bares com música ao vivo, tomando uma cervejinha nas mesas de rua, como, por exemplo, no Taboa e no La Bonita – esse último nos pareceu ser o mais animado da cidade.

A verdade é que os passeios são bem cansativos, então a energia para a vida noturna fica prejudicada.

13- E SOBRE AS COMIDAS, BEBIDAS E AFINS, O QUE ACHARAM?

As comidas são maravilhosas, com preços justos – nem barato, nem caro. A região de Bonito possui muitas frutas típicas, são bem variadas e com nomes diferentes. Há uma sorveteria na rua principal que serve esses sabores diferentes nos sorvetes… é interessante para saber o gosto delas sem precisar comer a fruta mesmo! Também há uma senhora que fica oferecendo nos bares trufas recheadas com essas frutas típicas. Se a virem, não deixem de provar!

Experimentamos também a carne de Jacaré no Restaurante Juanita. Sabor aprovado!

Culinária em Bonito
Culinária em Bonito

Sobre as bebidas, a nossa dica aos leitores do Vai que Viajo é para que provem as cachaças locais, gostamos muito da Taboa. Trouxemos até como “lembrança”.

14-OUTRAS FOTOS DAS BONITAS EM BONITO

O paraíso fica em Bonito_MS
O paraíso fica em Bonito_MS
Flutuação no Rio da Prata
Flutuação no Rio da Prata
Cachoeira Boca da Onça
Cachoeira Boca da Onça
Várias frases como está são vistas durante a trilha da Boca da Onça
Várias frases como está são vistas durante a trilha da Boca da Onça

– Raquel Brum e Renata Pinto agradecemos muito as dicas de vocês sobre este paraíso localizado no centro-oeste Brasileiro! Vocês deixaram-me como muita vontade de conhecer Bonito e tenho certeza que deixarão outros leitores do Vai que Viajo da mesma forma! Sejam bem-vindas ao blog e, por favor, sigam viajando!!! Ficamos no aguardo de novos relatos de vocês! Foi demais esta contribuição! Beijão, Andressita!

Raquel Brum e Renata Pinto, férias em Bonito, nov/17
Raquel Brum e Renata Pinto, férias em Bonito, nov/17

Gostou da viagem para Bonito da Raquel e da Renata? Então clique aqui e conheça  histórias de outros Amigos por aí do Vai que Viajo!