Curaçao, que ilha! Os 3 dias em Curaçao foram pouco e deixaram gostinho de quero mais! Se você está planejando férias por lá com o objetivo de conhecer a ilha de uma forma mais completa, adianto que considero necessário pelo menos 6 dias para conhecê-la com calma, visitando todos os principais pontos turísticos (no final do post conto o que mudaria e incluiria neste roteiro).

Curaçao é uma ilha repleta de belas praias, muitas ainda inexploradas, ideais para relaxar e ter contato com a natureza. Também existem aquelas com boa estrutura, que te proporcionarão comodidade e boas opções para alimentação. É uma ilha para todos os gostos!

Por que ficamos apenas 3 dias em Curaçao? Nosso objetivo era passar as férias em Aruba. Havíamos comprado passagens para ficar 8 dias lá. Nesse meio tempo, enquanto montávamos o roteiro, surgiu a ideia de ir a Curaçao, tendo em vista que percebemos que daria tempo de conhecer Aruba em um menor tempo.

3 dias em Curaçao: o suficiente para se apaixonar
3 dias em Curaçao: o suficiente para se apaixonar

Só podes destinar 3 dias em Curaçao? Então saibas que é possível sim conhecer bastante lugares e viver bons momentos. Não deixe de ir!

Antes do roteiro, algumas informações:

ALUGUEL DE CARRO

É necessário alugar carro para conhecer melhor a ilha. O aluguel torna-se obrigatório se você tiver apenas 3 dias em Curaçao. Apesar de ser uma ilha pequena, você levará um bom tempo se deslocando entre os lugares. Além disso, ele te dará a liberdade de ir de uma praia para a outra quando você quiser, assim como ficar entrando em qualquer canto que tenha uma placa dizendo “beach”. Pegamos e devolvemos nosso carro no aeroporto de Curaçao (Valor da diária em torno 150 reais em carro popular).

GPS

Não é só carro gente! O GPS foi nosso grande aliado no tempo. Em algumas rodovias, onde há mais circulação, existe boa sinalização, contudo, quanto mais afastados ficamos delas, menos sinalização se vê – principalmente na região de Westpunt, onde estão as melhores praias. Se você não comprar um chip com internet móvel, salve o percurso no GPS no seu celular enquanto tiveres Wi-fi. Será útil.

COMO CHEGAMOS

Voo da companhia Insel Air direto de Aruba com duração de 20 minutos. Ida e volta $150 (preço promocional). A chegada em Curaçao foi às 8h30min.

Veja aqui como é voar na Insel Air.

COMO MONTAMOS O ROTEIRO DE 3 DIAS EM CURAÇAO

Dividimos os 3 dias em Curaçao conforme a região e nos hospedamos estrategicamente de forma a não perder tempo com grandes deslocamentos. Nesse modo, tivemos que dormir cada noite em um lugar diferente. Foi chato ficar arrumando e desarrumando mala, todavia economizamos tempo com isso.

1º dia:

O que estava previsto: Jan Thiel, Mambo Beach e Willemstad.

O que fizemos: Fomos direto do aeroporto para a praia de Jan Thiel. Essa é uma praia que conta, além da beleza natural, com excelente estrutura para receber os turistas, como opções de restaurantes, cadeiras espreguiçadeiras e guarda-sóis. Paga-se $3 para entrar nesta praia e usufruir da estrutura.

Jan Thiel Beach, Curaçao
Jan Thiel Beach, Curaçao

Gostamos tanto dela que rendeu um post específico: Jan Thiel em Curaçao: Luxo, beleza e conforto.

Almoçamos na Jan Thiel e partimos para a Mambo Beach. Lembra do GPS que comentei? Como agora não tínhamos, fomos parar na Praia Caracasbaai.

A Caracasbaai é uma praia popularmente frequentada por residentes da ilha.

Caracasbaai, Curaçao
Caracasbaai, Curaçao

Com ajuda de alguns nativos, chegamos à Mambo Beach. Esta é uma das praias ditas artificiais em razão da barreira de contenção com pedras que fizeram nela. Com isso, a praia se transformou numa enorme piscina, sem ondas e com um tom esverdeado incrível! Aqui também se verifica boa estrutura para atendimento dos turistas.

Mambo Beach, Curaçao
Mambo Beach, Curaçao

Se você caminhar na praia em direção a região dos resorts encontrará um canal de águas transparentes e de cor verde absurdamente incrível. De longe se enxergam os peixes! Não lembro de ter visto alguma vez na vida um tom de verde na água tão bonito quanto este.

Que verde é esse?
Que verde é esse?

Veja mais dicas sobre esta praia em Mambo Beach – Curaçao.

A última parada do dia foi em Willemstad. Confesso que estava ansiosa para ver as famosas casinhas coloridas! A capital de Curaçao é surpreendente, não tem como não se apaixonar! Ô lugarzinho gostoso! Fizemos o city tour nela de bike! Veja o roteiro em Willemstad: bike tour pela capital de Curaçao.

2º dia:

O que estava previsto: Kenepa Grandi + uma praia dentre Jeremy, Forti ou Piskado.

O que fizemos: Partimos cedo de Willemstad com o objetivo de chegar à Kenepa Grandi. O GPS foi fundamental para realizarmos o trajeto sem erros.

Fomos efetuando paradas em praias antes de chegar na Kenepa. A primeira foi na Lagun, que na verdade é uma praia privada com acesso apenas para os moradores. O que fizemos para conseguir vê-la foi entrar num único beco que havia (tipo um terreno abandonado), porém só vimos uma pequena parte das falésias.

A cor do azul foi de cair o queixo!

Lagun, Curaçao
Lagun, Curaçao

A segunda parada foi na Praia Jeremy – que já estava prevista com possibilidade de se passar um turno. Ela é linda, porém é pequena e não possui estrutura. Fizemos então apenas uma parada para fotos a fim de ganhar tempo para conhecer outro local.

Praia Jeremy - Curaçao
Praia Jeremy – Curaçao
Praia Jeremy - Curaçao
Praia Jeremy – Curaçao

Da mesma forma que a Jeremy, foi a parada seguinte na praia Klein Kenepa:

Praia Klein Kenepa - Curaçao
Praia Klein Kenepa – Curaçao

Olha esse mar, galera!!!

Mar cristalino da Klein Kenepa
Mar cristalino da Klein Kenepa

Klein Kenepa você é linda, mas a grande atração do dia ainda nos espera! Partiu Kenepa Grandi!

Fomos então para a principal razão da nossa ida a Curaçao. Lembro que quando estávamos estudando a possibilidade de ir a Curaçao, somente tivemos certeza de que iríamos à ilha após ver as fotos da Kenepa Grandi.

E ela não nos decepcionou! Além disso, tivemos a sorte de pegar um dia ensolarado, sem nuvens, já que esse tom de azul só aparece com a presença dos raios solares.

Dica: se você tem mais tempo em Curaçao, consulte a previsão do tempo e reserve o dia mais ensolarado para esta praia. 👌🏻

Pausa para a fotinho clássica! 👏🏻👏🏻👏🏻

Vai que Viajo na Kenepa Grandi
Vai que Viajo na Kenepa Grandi

A Kenepa Grandi é, de fato, a praia mais linda que você conhecerá em Curaçao. Que tom de azul!

Kenepa Grandi - Curaçao
Kenepa Grandi – Curaçao

Na Kenepa Grandi você poderá passar o dia, há um bar que serve alguns lanches e petiscos para almoçar e comprar bebidas (fica aberto somente até umas 16h). Dá para alugar cadeiras, guarda-sóis e equipamentos para prática de esportes náuticos. Veja os preços de setembro/2017:

Valores para aluguel de objetos na Kenepa Grandi
Valores para aluguel de objetos na Kenepa Grandi

Outras fotos da Kenepa Grandi:

Kenepa Grandi - Curaçao
Kenepa Grandi – Curaçao

Saímos da Kenepa para conhecer outras praias que haviam nos indicado. Paramos na Praia Forti, Piskado e Kalki.

Praia Piskado
Praia Piskado
Praia Kalki
Praia Kalki

A ideia era ficar o restante do dia em alguma destas praias, mas a verdade é que a Kenepa Grandi é imbatível. Como estávamos perto e já tínhamos pago pelas cadeiras, resolvemos voltar para ela e ficar até o sol se pôr.

Entardecer na Kenepa Grandi
Entardecer na Kenepa Grandi

Nesta noite nos hospedamos num hotel que ficava a 5 minutos de carro da Kenepa chamado Rancho El Sobrino. Valeu muito a pena. Imagina ter que voltar do norte da ilha até Willemstad e na manhã seguinte refazer parte do trajeto até Cas Abou e Porto Mari (que estão mais próximas da Kenepa do que de Willemstad). Para nós foi muito estratégico termos ficado hospedados nesta região. Lembrando que somente tínhamos 3 dias em Curaçao e economizar tempo era fundamental.

Rancho El Sobrino
Rancho El Sobrino

Veja fotos do hotel Rancho EL Sobrino e reserve sua hospedagem aqui.

3º dia:

O que estava previsto: Cas Abou + Porto Mary.

O que fizemos: Passamos a manhã em Cas Abou. É mais uma praia nota 10 em termos de belezas naturais. Oferece boa estrutura para os turistas, inclusive com tenda de massagem, opções de restaurantes com Wi-Fi e banheiros.

Cas Abou - Curaçao
Cas Abou – Curaçao
Cas Abou - Curaçao
Cas Abou – Curaçao

O charme desta praia é responsabilidade desta pedra:

Cas Abou - Curaçao
Cas Abou – Curaçao

O tempo na Cas Abou não nos ajudou muito, estava nublado e isso refletiu na cor do mar. Almoçamos por aqui e rumamos em direção à Porto Mari.

Mas antes uma paradinha para conhecer a Daaibooi Bay (também com tempo nublado).

Daaibooi Baai
Daaibooi Baai

Chegamos na praia Porto Mari e, cara, foi amor à primeira vista! Como eu curti essa praia! A Porto Mari tem um trapiche e uma plataforma que possibilita aos visitantes curtir o mar de uma forma diferenciada – do tipo Alegre!

Praia Porto Mari - Curaçao
Praia Porto Mari – Curaçao
Praia Porto Mari - Curaçao
Praia Porto Mari – Curaçao

Pensa nos saltos maravilhoso que se pode dar aqui!

Plataforma em alto mar na Portomari
Plataforma no mar de Porto Mari

Eita marzão com um tom esverdeado incrível! Porto Mari, você deixou saudade!

Porto Mari, excelente praia de Curaçao
Porto Mari, excelente praia de Curaçao

Para entrar na Portomari é necessário pagar $3 por pessoa. Esse valor não te dá direito ao uso das cadeiras, que custam mais $3,5. A praia também tem opções de restaurantes e possui banheiros.

Estrutura na praia Porto Mari
Estrutura na praia Porto Mari

Hora de voltar para Willemstad. No meio do caminho cruzamos a cidade de Williwood. Olha que bem-humorada:

Williwood, Curaçao
Williwood, Curaçao

Já em Willemstad, curtimos um pouco mais da Handelskade, jantamos na beira na Baía de Santa Anna e passamos pela última vez na ponte Rainha Emma – sempre com aquele ar mesclado de tristeza por quem está indo embora de um lugar especial e feliz por ter tido a oportunidade de conhecê-lo.

O QUE EU MUDARIA SE FOSSE HOJE:

Ficaria em Curaçao por pelo menos 6 dias:

  1. incluiria um dia a mais para conhecer a Ilha Klein.
  2. ficaria o primeiro dia inteiro na Jan Thiel e Mambo Beach, jogando para o quinto dia o city tour em Willemstad, conhecendo-a com mais calma, incluindo no roteiro a visita a fábrica da Curaçao Blue.
  3. ficaria um dia inteiro na Kenepa Grandi e incluiria o sexto dia para circular entre as praias do norte, fazendo mergulho com cilindro em alguma delas.

Antes da viagem eu já sabia que 3 dias em Curaçao seriam poucos. No entanto, valeram muito a pena! Posso dizer que passamos por praticamente por todos os principais pontos turísticos da ilha (apesar de ter sido meio corrido). Caso estejas programando uma viagem cujo foco seja Curaçao, não hesite em destinar mais tempo para conhecê-lo. Você não irá se arrepender! É um destino fantástico!