Com muito prazer estou aqui novamente para relatar uma viagem aos leitores do Vai Que Viajo! Desta vez pelo Sudeste Asiático, na Tailândia e Filipinas, com uma grande conexão na Malásia. O objetivo é compartilhar minha experiência e ajudar as pessoas que pretendem conhecer esta região que é fantástica!

PREPARATIVOS

A ideia surgiu há uns 3 anos. Porém eu sempre postergava em razão das minhas férias serem em abril, o mês mais quente na Tailândia! Em janeiro de 2017 comprei as passagens e iniciei as pesquisas. Os voos estavam muito caros saindo do Brasil e a melhor oferta que achei foi partindo dos Estados Unidos. Então, emiti com milhas ida e volta GRU x JFK (Nova York) e comprei pela Emirates um voo de NYC para Bangkok, como a volta de Manila para Washington.

VISTO

Para brasileiros não é necessário visto para visitar a Tailândia, Malásia e Filipinas. Apenas necessitei de visto para entrar nos Estados Unidos.

VACINA DA FEBRE AMARELA

Para entrar na Tailândia é obrigatório apresentar o comprovante internacional de Vacinação contra a Febre Amarela.

HOSPEDAGEM

Fiz todas as reservas pelo Booking.com. Opto sempre por Hostel pelo fator economia, porém apenas fiquei em Hostel nas Filipinas, em El Nido, já que na Ásia as hospedagens costumam ser mais baratas do que em outras regiões do mundo.

13/04 a 16/04 – Bangkok, com hospedagem no Rambruttri Vilage Plaza.

16/04 a 18/04 – Ao Nang com hospedagem no Krabi Heritage Hotel.

18/04 a 21/04 – Phi Phi com hospedagem no PP Insula.

21/04 a 22/05 – Krabi, hospedagem no Palmari Boutique Hotel (Hotel próximo ao aeroporto de Krabi).

23/04 a 26/04 – El Nido (Filipinas) – Hospedagem no Spin Designer Hostel.

Não tive problemas nos locais em que me hospedei, todos foram muito bons, em especial o Spin Designer Hostel em El Nido.

TRANSPORTE

GRU x JFK – Delta – emitido com 35.000 milhas Smiles.

JFK x GRU – Delta – emitido com 35.000 milhas Smiles.

Voos ida e volta
Voos ida e volta

Comprei todos os trechos internos daqui no Brasil, abaixo os trechos.

Bangkok x Krabi – Air Asia.

Krabi x Manila – Air Asia.

Manila x El Nido – Air Swift (ida e volta).

INTERNET

Assim que desembarquei na Tailândia, Malásia e Filipinas comprei no aeroporto um chip local com internet 4G e direito a ligações.

DINHEIRO

Os maiores custos da viagem foram as passagens aéreas que comprei aqui no Brasil. Levei em espécie $1.000,00 para gastos em geral, hospedagens, alimentação, passeios, transportes e usei cartão de crédito também.

Meu gasto total na viagem foi ao redor de R$10.000,00. Não calculei na unha gasto por gasto, mas este valor contempla tudo.

ALIMENTAÇÃO

Sou um mochileiro, uma coisa que não tenho frescura é com comida, não sou de ir para restaurante caro ou chique, porém, tem que ser limpo! Sempre busco comer a comida típica da região, nem que seja uma vez.

09/04/2017 – INÍCIO DA LONGA VIAGEM

Meu voo partiria de Guarulhos para Nova York as as 21h15min. Cheguei no aeroporto de Guarulhos por volta das 19h, fiz o check-in e esperei o embarque. Depois, foram cerca de 10 horas de voo de SP até NYC.

11/04/2017 – NOVA YORK x DUBAI x TAILÂNDIA

Às 16:30min partiria o voo para Dubai. Houve um atraso de 3 horas por conta de um problema técnico na aeronave, o que para mim foi bom, pois teria que esperar menos em Dubai.  Às 15h30min, hora local, aterrissamos no Aeroporto de Dubai. Tive uma conexão de cerca de 6 horas e finalmente voei para a Tailândia.

Chegada em Dubai
Chegada em Dubai

13/04/2017 – CHEGADA EM BANGKOK, SONGKRAN E KAO SAN ROAD À NOITE

Entrei na Tailândia pelo aeroporto de Bangkok-Suvarnabhumi por volta das 09h.

Como já tinha visto em vários relatos, antes de ir para a migração é necessário passar pelo Health Control, preencher um formulário e apresentar o passaporte com o comprovante de vacinação contra a febre Amarela. Só após este procedimento se pode ir à migração.

Health Control em Bangkok
Health Control em Bangkok

A fila da migração foi rápida, cerca de 15 minutos, e sem problema algum. Não me fizeram nenhuma pergunta.

Imigração em Bangkok
Imigração em Bangkok

Saindo da fila da migração fui em uma casa de câmbio no próprio aeroporto para trocar dólares pela moeda local e, em seguida, comprei um chip de telefone com internet para os 10 dias que ficaria na Tailândia.

Optei por ir de metrô para chegar até a região de Bangkok onde me hospedaria. Peguei a linha amarela que sai do aeroporto e fui até a estação mais próxima da Kao San Road. Da estação até o Hotel fui de Uber.

Metrô de Bangkok
Metrô de Bangkok

Era o feriado do Songkran, Bangkok estava um caos, muito trânsito. Demorou um pouquinho para chegar no hotel. O Hotel onde fiquei hospedado estava nas imediações da Khao San Road. Por ser o feriado estava uma animação total nas ruas, guerra de água para todo lado.

À noite fui para a Khao San Road novamente, onde fechei um passeio para o Floating Market com uma agência.

Khao San Road
Khao San Road, Bangkok

14/04/2016 – FLOATING MARKET, GRAND PALACIOS E WAT PHO

Por volta das 07h seguimos viagem para a região do Floating Market. Em cerca de 2 horas lá estávamos.

Floating Market
Floating Market
Floating Market
Floating Market

Após a visita, retornamos para Bangkok e, então, decidi visitar o Grand Palácio.

Grand Palácio, Bangkok
Grand Palácio, Bangkok
Grand Palácio, Bangkok
Grand Palácio, Bangkok
Grand Palácio, Bangkok
Grand Palácio, Bangkok

Também visitei o interior do templo. Fazia muito calor neste dia!

Grand Palácio, Bangkok
Grand Palácio, Bangkok

Após visitar os templos, segui para o hotel para descansar e, à noite, fui como todos os dias para a Kao San Road.

15/04/2017 – DIA EM BANGKOK

Devido ao feriado Songkran, que foi entre os dias 13 a 15 de abril, muita coisa em Bangkok estava fechada, assim como os templos em Ayutthaya. Não havia excursões disponíveis. Diria que isto foi uma falha no meu planejamento, mas ok! Segue o jogo!

Já que neste dia não seria possível ir até Ayutthaya, fiquei por Bangkok mesmo.

Fui encontrar com um amigo do Brasil em uma espécie de mercadão, onde almoçamos e andamos bastante por Bangkok de ônibus, a pé e de barco.

Encontrando amigo em Bangkok
Encontrando amigo em Bangkok
ônibus em Bangkok
ônibus em Bangkok
Passeio de barco em Bangkok
Passeio de barco em Bangkok
Passeio de barco em Bangkok
Passeio de barco em Bangkok

16/04/2017 – IDA PARA AO NANG

Era um domingo. Acordei bem cedo, tomei café da manhã e preparei minhas coisas, pois teria um voo às 14h para Krabi. Fui de Uber para o aeroporto de Don Mueang.

Aeroporto de Don Mueang
Aeroporto de Don Mueang
Avião da AirAsia
Avião da AirAsia

Chegando no aeroporto de Krabi, fui até o guichê onde vendiam a passagem para Ao Nang. Comprei o bilhete e em 15 minutos iniciou a viagem em um micro-ônibus. Depois de 1h cheguei a Ao Nang. O Micro-ônibus me deixou na porta do Hotel onde me hospedaria.

Por volta das 17h resolvi ir até a praia para reconhecimento do mar da Tailândia e fui presenteado por um belo pôr do Sol.

Pôr do sol em Ao Nang, Tailândia
Pôr do sol em Ao Nang, Tailândia

Logo após, à noite, fiquei andando por Ao Nang, a região dos comércios. É bem legal, possui diversos restaurantes e comércios. Também fechei um passeio para Hong Island.

17/04/2017 – PASSEIO HONG ISLAND – UM DOS MELHORES DA TRIP

A Van do passeio passou no hotel e partimos para o passeio de Hong Island. Fomos até o Píer em Ao Nang e de lá pegamos o Barco. Eu adorei o passeio e recomendo. O passeio tinha almoço incluso.

Abaixo algumas fotos deste passeio que achei fantástico.

Hong Island, Tailândia
Hong Island, Tailândia
Hong Island, Tailândia
Hong Island, Tailândia
Hong Island, Tailândia
Hong Island, Tailândia
Hong Island, Tailândia
Hong Island, Tailândia

Após o passeio, fiquei pelo centrinho de Ao Nang e comprei minha ida para Phi Phi Island no dia seguinte.

18/04/2017 – RAILAY BEACH E IDA PARA PHI PHI

Peguei um barco em Ao Nang e em 10 minutos cheguei em Railay Beach. O dia estava um pouco nublado.

Railay Beach, Tailândia
Railay Beach, Tailândia

Railay Beach é bem pequeno, porém muitas pessoas optam por se hospedar lá. Ao Nang é bem mais estruturado. Fiquei cerca de 1 hora na praia e retornei a Ao Nang, pois teria de fazer o check-out no hotel e seguir viagem para a tão sonhada Phi Phi Island.

Cerca de meio dia, a Van passou no hotel e segui para o Píer em Ao Nang. No píer lotado de gente, entrei no Ferry e seguimos numa viagem de 2h para Phi Phi.

À espera do ferry para Phi Phi
À espera do ferry para Phi Phi

Após localizar o hotel fui ao View Point.

View Point
View Point

Havia bastante gente no View Point. Fiquei até o pôr do Sol. Lá encontrei um pessoal que havia conhecido no Floating Market de Bangkok e combinamos de fechar um passeio de volta à ilha em Phi Phi para o dia seguinte.

Fomos a uma agência em Phi Phi e fechamos um barco privativo, visto que já havia algumas pessoas interessadas no passeio conforme disse a funcionária da agência. Lembrando que eram todos brasileiros.

19/04/2017 – DIA ÉPICO: VOLTA NA ILHA PHI PHI

O Inicio do passeio estava previsto para as 12h30min devido às condições da maré. Digo que foi um dia épico pois o barco estava muito animado, as praias paradisíacas, o dia top e a galera fantástica!

Ilhas Phi Phi
Ilhas Phi Phi
Ilhas Phi Phi
Ilhas Phi Phi
Ilhas Phi Phi e galera do Brasil
Ilhas Phi Phi e galera do Brasil
Ilhas Phi Phi e galera do Brasil
Ilhas Phi Phi e galera do Brasil
Ilhas Phi Phi
Ilhas Phi Phi

Após o passeio, combinamos de ir para as festas que têm na praia. A galera bebe no baldinho, tem shows de fogos, são muito animadas!

Para quem gosta de ficar mais de boa, o outro lado da ilha é super calmo à noite.

20/04/2017 – PHI PHI

Gostei tanto da volta à ilha que neste dia fiz outro passeio de barco por ela, porém menor. Foi um passeio um pouco diferente, o guia nos deu mais tempo como por exemplo na Phi Phi Lagon e em Maya Bay, que não estava cheia. Diria que curti mais as praias neste dia.

Phi Phi Lagoon
Phi Phi Lagoon
Ilhas Phi Phi
Ilhas Phi Phi
Pôr do sol nas ilhas Phi Phi
Pôr do sol nas ilhas Phi Phi
Momento de agradecer pelo paraíso
Momento de agradecer pelo paraíso

 21/04/2017 – ÚLTIMO DIA NO PARAÍSO

Era meu ultimo dia na Ilha Phi Phi. Um dia antes comprei a passagem para retornar a Krabi, pois tinha uma reserva em um hotel bem próximo ao aeroporto.

Fui para Long Beach, que é uma praia em Phi Phi, onde se chega por uma trilha.

Trilha para Long Beach
Trilha para Long Beach

Após 30 minutos de uma caminhada bem tranquila, cheguei à praia. Muito bonita!

Long Beach, Tailândia
Long Beach, Tailândia

Curti a praia e retornei ao Hotel para pegar minhas malas. Almocei no Ana’s, restaurante em Phi Phi que adorei, todos os dias jantei lá, pessoal super educado e já até sabiam meu prato predileto: Fried rice with Srimps (arroz frito com camarão).

Recomendação de restaurante
Recomendação de restaurante

Depois o almoço, segui para o Pier e embarquei. Em 2 horas de viagem já estava em Krabi. Cheguei no hotel perto das 18h.

Em frente ao hotel tinha uma feira, bem legal por sinal, dei uma volta lá e depois voltei para descansar.

21/04/2017 – KRABI x KUALA LAMPUR (MALÁSIA)

Meu hotel tinha um transfer para o aeroporto, que era bem perto, cerca de 15 minutos de carro. O voo era às 8h com destino a Manila, nas Filipinas, porém teria uma conexão de 10 horas em Kuala Lampur.

Por volta das 10h desembarquei em Kuala Lampur, passei pela imigração, comprei um chip de celular, peguei o metrô no aeroporto e segui para o Centro de Kuala Pampur para conhecer a Petronas Tower.

Após 40 minutos, desci na Estação Central e de lá peguei outro metrrô até a Petronas Tower.

Petronas Tower
Petronas Tower

É bem legal a região do Petronas Tower. Há também um shopping dentro. Eu queria subir o Petronas, porém só tinha horário disponível às 19h – e por volta das 20hs eu já teria de estar no aeroporto para o voo que sairia às 21h15min para Manila.

Petronas Tower
Petronas Tower

Após 3 horas de voo, chegamos no aeroporto de Manila.

22/04/2017 – MALÁSIA x FILIPINAS E TOUR A

Desembarquei no aeroporto de Manila por volta da 01h da manhã. Meu voo para El Nido seria às 06h30min.

Se vocês acham que os aeroportos do Brasil são bagunçados, tirem isso da cabeça, pois o aeroporto de Manila é o pior de todos. Do terminal onde desembarquei, Terminal 1, precisava me deslocar até o terminal 4 (voos Nacionais). Fui me informar se existia algum transfer para o terminal e não havia. Então peguei um Uber e segui para o Terminal 4.

O terminal era muito pequeno e não cabia mais ninguém! Às 5h fiz o check-in e, posteriormente, o embarque.

Voo para El Nido
Voo para El Nido

Foram 40 minutos de voo até El Nido. Senti-me desembarcando numa fazenda! A recepção foi com música ao Vivo e com um café da manhã oferecida pela cia Air Swift. Peguei o táxi e segui para o hostel.

Táxi em El Nido
Táxi em El Nido

Cheguei por volta das 08h30min no hostel, porém o check-in era somente às 14h. Para aproveitar o tempo, mesmo virado, fechei um passeio chamado Tour A no próprio Hostel.

Às 9h saí para o passeio, que foi fantástico, um lugar mais paradisíaco do que o outro.

El Nido é um local super turístico, mas que ainda tem aquele clima de um local não muito explorado. Não tem MC Donalds e nem Starbucks, diria ser uma vila de pescadores com muitos turistas, na maioria turistas independentes.

Tour A – El Nido
Tour A – El Nido
Tour A – El Nido
Tour A – El Nido
Tour A – El Nido
Tour A – El Nido

23/04/2017 – El NIDO TOUR C

Por volta das 9h o pessoal da agência chegou ao hotel e seguimos para o pier de onde sairia o passeio Tour C.

Passeio sensacional, vou resumir nas fotos abaixo:

Tour C – El Nido
Tour C – El Nido
Tour C – El Nido
Tour C – El Nido
El Nido, Tour C
El Nido, Tour C
El Nido, Tour C
El Nido, Tour C

O passeio se encerrou às 18h. Foi um passeio fantástico, fiquei encantado por El Nido!

24/04/2017 – El NIDO TOUR B

Os Tours A e C são os mais procurados em El Nido. Como eu já tinha feito os 2, queria fazer o Tour B ou D, porém não havia muita procura.

Fui até a agência verificar a disponibilidade de um deles e fui informado que não teria nesta data.

Porém, a pessoa da agência me disse que um grupo de Italianos teria reservado um barco privativo para o Tour B e que poderia ver se eles deixariam eu fazer o Tour junto.

Os italianos concordaram e fiquei feliz da vida!O grupo era muito bacana, muito animados e o passeio foi muito legal.

O Tour B me surpreendeu muito por não ser tão procurado.

El Nido, Tour B
El Nido, Tour B
El Nido, Tour B
El Nido, Tour B
El Nido, filipinas
El Nido, filipinas

Após o passeio, marquei um curso de mergulho em El Nido para o dia seguinte.

25/04/2017 – MERGULHO EM EL NIDO

Por volta das 10h comecei o curso de mergulho. Me impressionei muito com o curso, cheguei a descer 20 metros no mergulho, foi sensacional!

Mergulho em El Nido
Mergulho em El Nido
El Nido, Filipinas
El Nido, Filipinas

26/04/2017 – BYE BYE EL NIDO x DUBAI X WASHINGTON DC

Acordei bem cedo, tomei café da manhã e segui para o aeroporto de El Nido. Meu voo para Manila era às 8h30min.

Hora de voltar para Manilla
Hora de voltar para Manilla

Na despedida de El Nido, música Ao vivo e um café da manhã como cortesia pela Cia aérea Air Swift.

Despedida de El Nido com muita animação
Despedida de El Nido com muita animação

Cheguei às 9h30min em Manila. Desta vez tinha transfer para o terminal 1, de onde saem os voos internacionais.

A espera seria longa, meu voo para Dubai era às 18h. Resolvi ficar esperando no aeroporto mesmo.

Às 18h embarquei para Dubai, onde fiz uma conexão de 4 horas para então embarcar para Washington.

CONCLUSÃO

A Ásia é um destino viciante, pois é muito paradisíaco e acessível financeiramente. Conseguindo uma passagem barata, a viagem se torna muito em conta.

Adorei a Tailândia, em especial Phi Phi, pois tem uma vibe muito legal.

El Nido diria que foi a cereja do bolo. Um dos lugares mais lindos que já visitei, me surpreendeu muito, já que não é tão explorado, como a Tailândia.

FIM!!!!!!

Espero poder contribuir com os leitores do Vai Que Viajo e me coloco à disposição para ajudar quem pretende ir a algum dos lugares que visitei.

Vale muito a pena mochilar e desbravar o mundo.

Fim de férias!
Fim de férias!

Na dúvida, Viaje!!!!

Gostou da viagem do Cleiton pela Àsia? Então clique aqui e conheça as histórias de outros Amigos por aí do Vai Que Viajo!